"Um povo livre sabe que é responsável pelos atos do seu governo. A vida pública de uma nação não é um simples espelho do povo. Deve ser o fórum de sua autoeducação política. Um povo que pretenda ser livre não pode jamais permanecer complacente face a erros e falhas. Impõe-se a recíproca autoeducação de governantes e governados. Em meio a todas as mudanças, mantém-se uma constante: a obrigação de criar e conservar uma vida penetrada de liberdade política."

Karl Jaspers

fevereiro 06, 2010

EURO SOB PRESSÃO

Política monetária do Fed em relação ao BCE deve incentivar o voo 
de recursos para Wall Street Dominique Fager/AFP/JC
Política monetária do Fed em relação ao BCE deve incentivar o voo de recursos para Wall Street Foto: Dominique Fager/AFP/JC

As pressões sobre o euro decorrentes dos agudos problemas fiscais de alguns países membros da zona do euro, como a Grécia, devem continuar nos próximos três meses, o que tende a desvalorizar aquela moeda em relação ao dólar dos EUA, que hoje (05) atingiu a marca de US$ 1,36. 

Essa é a avaliação de vários estrategistas de bancos internacionais que atuam em Londres e Nova York ouvidos pela Agência Estado.
 
Há algumas instituições, como o BNP Paribas e ING, que estimam um movimento expressivo de queda do euro ante o dólar nos próximos meses, pois estimam que deve chegar em dezembro a US$ 1,27 e US$ 1,30, respectivamente. 

Contudo, os executivos acreditam que a fuga para a qualidade dos investidores não deverá afetar o ingresso de capitais neste ano no Brasil, devido sobretudo às perspectivas favoráveis de crescimento do PIB e juros reais ao redor de 5,5%. 

Para eles, o ingresso de recursos estrangeiros no País não deve ser afetado de forma expressiva e isso evitaria a desvalorização do real em relação ao dólar, o que poderia estimular a alta da inflação.

Um ponto comum entre estas instituições é que a volatilidade no mercado monetário que deve ocorrer nos próximos meses não deve enfraquecer de forma substancial o real ante o dólar. 

"O ingresso de investimentos no Brasil provavelmente deve manter o mesmo patamar registrado no ano passado.

A ata da reunião de janeiro do Copom divulgada ontem agregou ao balanço de riscos de alta da inflação o temor de depreciação do real ante o dólar no decorrer do ano, o que poderia ser provocado basicamente pela aversão a risco de investidores. 

No parágrafo 11 do documento, por exemplo, o Banco Central destaca que ocorreu desde a reunião do BC realizada em dezembro "certo aumento na volatilidade dos preços de ativos, ainda que a percepção de risco sistêmico siga limitada".
Via Agência Estado

PAC PAC PAC ... A" MALA PRETA"

http://chapabranca.files.wordpress.com/2008/11/monkeynewscharge_alecrim_pac.jpg
A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, garantiu no final da manhã deste sábado (7) em Porto Alegre que não faltará dinheiro para projetos apresentados pelos prefeitos brasileiros, durante apresentação dos princípios da continuidade do Programa de Aceleração do Crescimento, o PAC 2. Dilma falou por uma hora no encontro estadual “O PAC e o futuro do Brasil”, promovido pelo PT, para aproximadamente 150 prefeitos e vice-prefeitos do Rio Grande do Sul.

“Eu e os prefeitos temos certeza que o PAC é produto do esforço do setor público brasileiro ao perceber que desta vez, nessa etapa que nós estamos vivendo, é possível investir e é possível programar e vai ter dinheiro, porque nosso problema não é dinheiro mais, porque nunca deixamos uma obra ser interrompida ou ficar paralisada ou ficar no papel”, garantiu a ministra.

No entanto, antes de falar aos prefeitos e vice-prefeitos de vários partidos, no auditório Dante Barone, da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, Dilma disse que ainda não estão fechados os valores a serem investidos no PAC 2.

TREM-BALA DA CHINA NO PÁREO

Agência Estado
A China decidiu participar da concorrência para o trem de alta velocidade que vai ligar Rio, São Paulo e Campinas e busca empresas brasileiras das áreas de construção e consultoria para integrarem seu consórcio.

Na semana retrasada, representantes do Congresso e do governo brasileiros estiveram na China para conhecer a malha de trens rápidos do país, que até 2013 será a maior do mundo.

Os representantes de Pequim sustentam que possuem o trem mais barato e rápido do mundo. 

O recorde mundial de velocidade média do começo ao fim de uma viagem foi batido em dezembro na nova linha Wuhan-Guangzou, que tem 1.068 km e custou US$ 17 bilhões, segundo o governo chinês.

O trem atingiu velocidade média de 313 km/h, comparada a 280 km/h do recorde anterior, do TGV francês. 
Mas o pico máximo de velocidade continua a ser dos franceses, que chegaram a 574,8 km/h em 2007.

O trem rápido brasileiro terá 510,8 quilômetros e será uma das obras mais caras da história do Brasil, com investimento estimado em R$ 34,6 bilhões - o equivalente a US$ 19,2 bilhões a um câmbio de R$ 1,80. 

A velocidade terá de ser entre 300 km/h e 350 km/h. 

O Ministério das Ferrovias da China criou um grupo de trabalho para coordenar a participação na concorrência, a primeira do tipo que o país disputará. 
Continua...

RAFALE - NÃO SÃO SÓ 36, META É CHEGAR A 126 AERONAVES

http://2.bp.blogspot.com/_IEJ3-_kC6JI/StaZqr6nsEI/AAAAAAAAZBk/E-iWgWpsQLI/s400/fx-2_concorrentes.JPG

Agência Estado
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva ficou muito irritado com o vazamento da informação da redução do preço do pacote de 36 aviões que está sendo negociado para a Força Aérea Brasileira.
 

Para o presidente Lula, o valor apresentado "ainda é insuficiente" para fechar o contrato.
Por isso o Palácio do Planalto, embora insista que há uma "assumida preferência" pelo modelo francês Rafale, quer continuar negociando e insiste que só fechará o contrato se o preço cair ainda mais.

"Tem de reduzir mais. Tem de melhorar as condições", afirmou um auxiliar direto do presidente Lula ao ressaltar que esta questão "é muito mais do que preço e contra-preço". 


Por conta desta insatisfação que chamou de "plantação de informação", que poderia levar os franceses "a se acomodarem", o presidente Lula avisou e reiterou que o contrato não está fechado e que as negociações ainda estão em curso, podendo levar ainda algum tempo.

Mas, por outro lado, o governo brasileiro tem reiterado que a França, para deslanchar o seu projeto, precisa que o avião seja comprado pelo Brasil, já que o caça não ganhou nenhuma outra concorrência no mundo e que outros países estão à espera da decisão brasileira para encaminharem suas decisões. 

 O Brasil tem o trunfo ainda maior para baixar o preço do pacote. É que, embora o pacote inicial seja de 36 aeronaves, a ideia posterior é de se chegar a 120 aeronaves, unificando a frota da FAB substituindo os Mirage, F-5 e A-1 pelos Rafale.

No relatório preparado pela Comissão da Aeronáutica, entregue ao ministro Nelson Jobim em janeiro, os preços apresentados pelas empresas foram de US$ 8,2 bilhões para o pacote da Dassault, US$ 5,7 bilhões, da Boeing e US$ 4,5 bilhões da SAAB. 

De posse destes valores, com o pacote do Rafale considerado ainda muito alto, o governo saiu em campo para reduzi-lo e teria chegado ao valor de US$ 6,2 bilhões, que o Planalto ainda considera alto e quer nova redução para garantir o fechamento do contrato. 

Também está sendo considerado muito alto o valor do US$ 4 bilhões para a manutenção dos aviões por 30 anos. 

Matéria completa

P artido M ais D esonesto do B rasil

Foto: Antônio Cruz/ABr 
Presidente reeleito do PMDB, Michel Temer, junto a colegas peemedebistas durante a Convenção Nacional do partido, em Brasília (Foto: Antônio Cruz/ABr)

O presidente licenciado do PMDB, deputado Michel Temer (SP), foi reeleito hoje para a função durante a convenção nacional do partido, onde também foi reforçado o apoio da legenda à candidatura da ministra Dilma Rousseff à presidência da República.

A chapa única de Temer recebeu 591 de 597 votos. Dois foram nulos e quatro estavam em branco. O deputado é cotado para ser o candidato a vice na chapa de Dilma, e sua vitória no pleito do PMDB pode ser fundamental para sua escolha.

Dirigindo-se aos 600 delegados que participaram da convenção em Brasília, Temer defendeu a unidade do partido e pediu aos correligionários para que defendam a candidatura de Dilma à presidência como se fosse do próprio PMDB.

O deputado também elogiou o poderio eleitoral da legenda, afirmando que o atual Executivo sabe "que sem o PMDB, não se pode governar este país".
  
É, a que ponto chegou a indecência e o despudor dos agentes políticos no Brasil, uma declaração pública de que o País é refém de grupos partidários, viva a bandidagem, a corrupção ao enriquecimento ilícito dos partidos e seus agentes.
Povo? À merda!

A FOME E A VONTADE DE COMER 

TÁ FEIA A " COISA "

PETRALHAS JÁ ESTÃO SE POSICIONANDO
No dia 02/02, escrevi um texto em que confesso ser cético no que diz respeito a segurança do uso da urna eletrônica. 

No texto questiono até mesmo a imparcialidade do TRE e TSE, e não é que, após decorridos 02 dias, somos brindados com uma decisão do TSE (Treatment Exceptional Electoral), em que um juiz  substituto(Joelson Dias),  encaixado no lugar certo para decisões favoráveis ao governo, desempenhando as funções  para as quais está "escalado " para a vigilância e aplicação das "leis" que com certeza já constam da  "cartilha" do parlapatão, e que as  normas eleitorais(a vigente), quando se tratar das oposições sejam rigorosamente aplicadas, deu um "arquive-se" nas infrações sistematicamente praticadas pelo déspota,  filho... do Brasil e sua criatura do cérebro sem filtro. 

A manter essa tendência de votos pró Serra, e não se consumando a tão propagada popularidade(171,71%) do déspota para a sua criatura, e como o parlapatão desmoralizou a decência política e intitucionalizou a corrupção,  há uma grande propabilidade de as tão badaladas urnas eletrônicas "gerarem" um resultado surpreendente com nunca na "iztóriadeztepaiz", do tipo, virada de mesa.

Como os "Ayres" do TSE já exalavam um odor nada agradável, com a escalação de um substituto sob medida, os "Dias" serão mais tranquilos para que a "drupa" possa se esbaldar na prática da ilegalidade, do jogo sujo e da trambicagem, é assim que o parlapatão gosta, como ele mesmo diz : assim que os PORCOS ENGORDAM.
Está "costurado"  o projeto da dominação do poder.

 ZÉ DIRCEU - AINDA EM LIBERDADE :

“Ao sair da Presidência, Lula vai ter que se dedicar ao PT para transformar esse partido no dobro que tem hoje, chegado a 35% dos votos. 
Temos que fazer outra mudança no Brasil nos próximos 12 anos. 
Tem a Dilma, agora, e tem a volta de Lula em 2014, que é um desejo do Brasil e do PT”.

Será que a Lei perdeu a sua razão de ser? 
Até quando os "ILEGAIS" irão exercer as suas prórias normas? 
Até quando os poderes serão dominados por verdadeiros contraventores?

RESPOSTA : 

 O povo teme o legislador brasileiro.
Não se trata, só de desrespeito ao povo, mas sim de despojar-se, o legislador, de qualquer resquício de dignidade humana, a satisfazer-se na amaldiçoada fonte da mesquinhez, tornando-se nada mais nada menos que um tirano, déspota, abusando do seu poder para submeter o povo a um domínio arbitrário, visando apenas a satisfação própria, inflando a sua megalomania.
 
Os atos dos nossos representantes, já tão corriqueiros, temos nos limitado a aceitar e calar, ou, através de um grão de setor social, falar. 
Mesmo assim, continuam os desrespeitos às leis e ao povo, e é fundamental, agir com veemência por todos os meios para que possamos eliminar esta usurpação por parte dos legisladores.

 Zé Ramalho já versou :
 EI, VIDA DE GADO
 POVO MARCADO
POVO FELIZ.

 E que DEUS nos proteja, e nos livre do todo o mau que os ptralhas nos reserva.