"Um povo livre sabe que é responsável pelos atos do seu governo. A vida pública de uma nação não é um simples espelho do povo. Deve ser o fórum de sua autoeducação política. Um povo que pretenda ser livre não pode jamais permanecer complacente face a erros e falhas. Impõe-se a recíproca autoeducação de governantes e governados. Em meio a todas as mudanças, mantém-se uma constante: a obrigação de criar e conservar uma vida penetrada de liberdade política."

Karl Jaspers

fevereiro 25, 2010

MPF/INQ.CIVIL PÚB. X LULA E DILMA

FOI BANHADA NA GARAPA, OU NÃO FOI?
http://www.fabiocampana.com.br/wp-content/uploads/2010/01/radar1.jpg
Tiago Pariz/Correio Braziliense
O Ministério Público Federal abriu inquérito civil público contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, para apurar o suposto uso eleitoral do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em eventos de inauguração de obras disseminados pelo país.

O inquérito visa apurar se houve crime de improbidade administrativa praticada por Lula ao associar Dilma, pré-candidata do PT à Presidência da República, à principal bandeira de investimentos do governo.

A investigação do MPF em Brasília, publicada no Diário da Justiça em 10 de fevereiro, é o desdobramento de um procedimento iniciado no começo do ano passado.

A denúncia, elaborada pelo deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), argumenta que houve prática de improbidade administrativa por uso de dinheiro público para a promoção pessoal de Dilma, a fim de viabilizar sua candidatura à Presidência.

Para a instauração do inquérito, há elementos para aprofundar a investigação sobre a vinculação do Programa de Aceleração do Crescimento como obras creditadas a Dilma.

O presidente não cansa de chamar sua pupila como a “mãe do PAC”, referência, aliás, que virou marca eleitoral da petista. Junto ao Programa Minha Casa, Minha Vida, o PAC será uma das bandeiras de promoção da candidatura da ministra no período da campanha.
Veja a íntegra do inquérito instaurado pelo Ministério Público Feder

BOVESPA - RETIRADA :R$ 271,366 milhões. EM UM DIA

http://www.planetaeducacao.com.br/portal/imagens/artigos/amais/Pessoas-trabalhando-na-bolsa-de-valores_.jpg

Eulina Oliveira, da Agência Estado

Os investidores estrangeiros retiraram da Bovespa, apenas na última terça-feira, dia 23, R$ 271,366 milhões.

Naquele pregão, o Ibovespa cedeu 1,60%, aos 66.108,33 pontos. O giro financeiro totalizou R$ 5,989 bilhões.

A Bolsa de Nova York e as europeias também fecharam em baixa naquele dia.


Com a expressiva saída no dia 23, o saldo de capital externo voltou a ficar negativo em fevereiro, após quatro pregões positivos.

No mês, as retiradas totalizam R$ 102,177 milhões, resultado de compras de R$ 27,454 bilhões e vendas de R$ 27,556 bilhões.

No ano, o déficit de recursos estrangeiros na Bolsa se ampliou para R$ 2,201 bilhões.


Na avaliação de Fausto Gouveia, economista da Legan Asset Management, a intensificação da saída de capital externo da Bovespa faz parte do movimento de aversão ao risco que vem sendo verificado desde o início do ano.

"As preocupações crescentes com as economias da Grécia e do Leste Europeu e a recuperação lenta dos EUA estão levando os investidores a
buscarem proteger seu capital, migrando, por exemplo, para títulos do Tesouro norte-americano", afirmou.

"Além disso, a Bovespa subiu bastante no ano passado, e os estrangeiros estão aproveitando também para realizar lucros", acrescentou.

A BICHINHA PALANQUEIRA E A DISCURSEIRA!


ISSO NÃO É NORMAL !
TEM UM "POBREMA" AÍ!


“Nós tamo num momento em que o Brasil está sendo de fato reconhecido como uma grande potência em acelerado crescimento, acelerada aparição de oportunidades. O Brasil não tá sendo visto só por nós, mas sendo visto internacionalmente (…). Nós tivemo um crescimento econômico que não excluía o povo brasileiro, seus 190 milhões, mas incluía.”

Nós, quando falam assim vamos virar a quinta potência porque falam olha vai ser a primeira potência ou a China ou a Índia, ou… a China ou, ou os Estados Unidos. A segunda, talvez a Índia ou o Japão. E a quinta, né, aí já tem quatro países, seria o Brasil (…) O que nós temos de falar é outra coisa: tá perfeito isso. Isso é um dado que eles olham em relação ao crescimento do produto do País. Nós do governo temos de falar o seguinte: nos interessa, sim, sê a quinta economia. Mas nós vamos ter de ser a quinta economia desde que os 190 milhões brasileiros tenham nível de vida de quinta economia”.

Não acredita ? Ouça(áudio -24/02, e outros, é bem divertido ): Casa Civil/PR - Presidencia

CASA QUE ALIMENTA "GATOS EGOÍSTAS", RATOS FAZEM A FESTA!

http://images.paraorkut.com/img/graphics/housemousemagia24nu8.gif
Não há limites para a criatividade dos que se empenham em lesar os cofres públicos. Um esquema minucioso foi montado na Câmara dos Deputados para fraudar a folha de pagamento da Casa.

Um grupo de servidores falsificou documentos, contratou funcionários fantasmas e se aliou a escolas do Distrito Federal para abocanhar, de uma só vez, os salários, auxílios-creche e vales-transportes de servidores que, na prática, não trabalhavam.

O caso está sob investigação da Polícia Legislativa e será levado à Justiça Federal.
Calcula-se que pelo menos R$ 1,5 milhão tenha sido desviado pelos supostos estelionatários. Até agora, 67 pessoas foram indiciadas.

São apontados como cabeças do esquema o ex-motorista do deputado Sandro Mabel (PR-GO), Francisco José Feijão, e sua esposa, Abgail Pereira da Silva, que trabalhou por três anos no gabinete de Raymundo Veloso (PMDB-BA).

Ambos foram exonerados após a descoberta do caso.
As investigações foram deflagradas em agosto do ano passado e, em novembro, o site Congresso em foco divulgou pela primeira vez o escândalo.


A Câmara ainda não encerrou as investigações.
Entre os 67 indiciamentos feitos até agora, há funcionários que respondem por estelionato, crime continuado e até formação de quadrilha, caso de Abgail e o marido.

Francisco e Abgail procuravam famílias carentes do Entrono do DF e ofereciam o pagamento de benefícios sociais para cada filho que essas pessoas tivessem.

Para isso, o casal exigia a entrega de diversos documentos pessoais, inclusive das crianças, e comprovantes de residência, por exemplo
(veja infografia).


NO GOVERNO DO PT , BANCOS FAZEM A FESTA.

http://lh4.ggpht.com/Lunar5135/SMUSrp_gvBI/AAAAAAAAAmk/vI1uU7JDhIQ/Bolsa%20Esmola%20x%20Lucro%20dos%20Bancos_thumb%5B5%5D.jpg
O lucro líquido dos cinco maiores bancos brasileiros –
Santander,
Itaú Unibanco,
Bradesco,
Banco do Brasil
e Caixa
– somou R$ 36,737 bilhões em 2009, um aumento de 14,6% em relação aos R$ 32,029 bilhões do ano anterior.

Os bancos afirmam que os resultados positivos refletem a melhora da economia, principalmente nos últimos meses do ano passado.
http://camaraecamara.files.wordpress.com/2009/10/bancos.jpg
Nesta quinta-feira, o Banco do Brasil divulgou seus dados apresentando um lucro de R$ 10,148 bilhões, o maior entre as cinco maiores instituições do País.

O maior crescimento de um ano para o outro foi protagonizado pelo Santander Brasil, que lucrou R$ 5,5 bilhões no ano passado, valor 41% superior aos R$ 3,9 bilhões de 2008.
O crédito mostrou sinais de recuperação quando comparado com o trimestre anterior.
A recuperação do ritmo de crescimento dos segmentos de financiamento ao consumo e de pequenas e médias empresas é evidente", informou o Santander Brasil durante a divulgação de seus resultado

LULA/ OS CASTRO/NOSSO DINHEIRO...

Lula con los hermanos Castro

Lula visitou as obras de ampliação e modernização do porto de Mariel, a 50 quilômetros de Havana, um negócio de grande importância para o governo cubano de que o Brasil já financiou 300 milhões de crédito dólares (222 milhões de euros), dos quais cerca de metade já foram desembolsados.

O projeto é converter o Mariel famosa como o lugar de onde ele começou um êxodo de 125.000 pessoas em 1980 - o principal porto comercial do país, desviando todo o tráfego para o porto de Havana.

Segundo a porta-voz presidencial de Lula Marcelo Baumbach, o Brasil e Cuba aprovou empréstimos no valor de 1.000 milhões de dólares (740 milhões), dos quais 350 milhões vão para compra de comida e 600 milhões de euros para iniciativas de produção de arroz e cana de açúcar, a construção de estradas eo porto de Mariel.

"Desse total, $ 150 milhões já desembolsados.

Está sendo negociado um outro lote de 300 milhões de euros, embora a parte cubana pediu um extra de US $ 230 milhões.

Esta última parte está pendente questões administrativas", disse Baumbach antes a visita.

O ministro da Indústria e Comércio, Miguel Jorge, viajou a Havana, antes de Lula para preparar os novos acordos, bem como o conteúdo da reunião do grupo de trabalho Brasil-Cuba, que será encerrado por Lula e Raúl Castro. George, foi em Havana em julho passado, quando ele anunciou que, como parte das obras de Mariel construir novas estradas de acesso e uma linha férrea, e dragaría da baía.

Durante essa visita, foram assinados acordos para formar duas joint ventures, um farmacêutico e uma para a produção de vidro.

CÂMARA FILIAL DE BORDEL

http://1.bp.blogspot.com/_BSnuFMdEdqA/Sl4xS-j9deI/AAAAAAAAIu4/f8Zd7wuxkO4/s320/naoreelehja.jpg

"ELEJA, NÃO REELEJA NINGUÉM"

Agência Brasil

BRASÍLIA -

O presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), confirmou nesta quinta-feira a existência de uma quadrilha dentro da Casa que fraudava pagamentos de auxílio-creche e vale-transporte.

- Se descobriu uma verdadeira quadrilha agindo aqui dentro da Casa -disse Temer, acrescentando que a Câmara já tomou providências. "

- A direção-geral modificou procedimentos que poderiam dar ensejo a essas espécies de irregularidades.

De modo que a Câmara estava agindo muito antes [das denúncias] e continua tomando providências - garantiu.

Ele ainda defendeu a instalação do ponto eletrônico na Casa como forma de coibir a prática ilegal.

A Polícia Legislativa tem investigado o caso e, segundo Temer, já enviou mais de 15 inquéritos para o Ministério Público.

Denúncia do site Congresso em Foco alega que mais de 80 funcionários da Câmara declararam morar em Formosa, cidade goiana a 80 quilômetros de Brasília.

Com isso, recebiam auxílio-transporte maior: R$ 480.

A prática gerava um custo de R$ 478 mil por ano. Um outro grupo cadastrava funcionários fantasmas em gabinetes para receber o auxílio-creche

ELEIÇÕES 2010 - OPERAÇÃO BOLSA FAMÍLIA!

"Não esmoreça nem desista. Trabalhe duro!
Milhões de pessoas que vivem do Bolsa-Família, sem trabalhar, dependem de você!"

Eis alguns dados do Bolsa Família:


O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome está repassando esta semana R$ 22,5 milhões para 5.422 cidades investirem em ações adm
inistrativas do programa Bolsa Família.

Os recursos estão sendo repassados a municípios que cumpriram, em dezembro, as exigências mínimas no desempenho do programa:
execução de 55% do total das atividades, combinado a um mínimo de 20% no monitoramento da frequência escolar, agenda de saúde, atualização cadastral e cadastro válido.


Além dos índices mínimos, numa escala que varia de zero a um, as prefeituras precisam ter assinado o Termo de Adesão ao Bolsa Família e estar habilitadas ao Sistema Único de Assistência Social.

Segundo informações da Secretaria Nacional de Renda de Cidadania do ministério, referentes a dezembro de 2009, 142 cidades não cumpriram os requisitos mínimos e, portanto, não recebem os recursos.

Mas :
(eleições/2010)

As suspensões não afetam o pagamento mensal dos benefícios às 12,4 milhões de famílias beneficiárias.
Elas continuam sacando os valores nos postos de atendimento da Caixa Econômica Federal, por meio de cartão e senha pessoal.
(Entendeu, né?)

As regras e condições, ficam em segundo plano, o importante é não "contrariar o assistido", e assim se livrando de receber um não na eleição.

SENADO O BORDEL DA POLÍTICA NACIONAL


Vejam o porquê da nescessidade da retomada da campanha "não reeleja ninguém", salvo exeções(raríssimas), essa é a casa onde "habitam" o que é de mais podre da política nacional, esse antro de maus intencionados e homens fantasiados de honradez à luz do dia, e à noite andam de braços dados com Diabo, é a top de maior urgência para a higiênização rigorosa.

Essas figuras "impolútas", pelas próprias condutas demonstram as suas inutilidades no que se refere aos interesses da nação, é uma corja à serviços de grupos coorporativos e pessoais, enfim, virou uma "Sociedade/ Secreta/ Anônima".

Ao todo, 19 senadores já pediram à direção da Casa Legislativa para livrar 274 servidores de bater ponto diariamente, informa reportagem de Andreza Matais, publicada nesta quinta-feira (25) pela Folha (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL).

"Quem manda no meu gabinete sou eu."
É assim que o senador Almeida Lima (PMDB-SE) justifica seu ato liberando todos os seus funcionários de registrar presença no Senado.
É uma interferência descabida o Senado querer controlar a frequência dos meus funcionários.
Lá, o controle do ponto sou eu que faço.
Eu sou responsável por tudo o que acontece, conclui Lima para defender uma norma que, na prática, facilita a volta de funcionários fantasmas, já que o Senado não terá controle sobre eles.


Segundo a reportagem, Lima tem 27 servidores, apenas dois efetivos.
Todos os demais são comissionados.


O ponto eletrônico foi adotado pelo Senado neste ano, depois de inúmeros casos de irregularidades em 2009. Essa foi a única medida prática adotada pela Casa para controlar a frequência de servidores.

Uma das irregularidades envolvendo pagamento, revelada pela Folha em 2009, mostrou que a Casa pagou a 3.883 servidores horas extras em janeiro, quando o Senado estava em recesso. Depois do escândalo, mais de 300 servidores tiveram que devolver o dinheiro.

Além de tudo, são covardes :
A reportagem informa que, dos 19 senadores (os nomes deles não foram divulgados) que pediram dispensa de ponto, sete liberaram mais do que 20 funcionários.
A
Folha apurou que há gabinetes em que 59 servidores foram liberados de comprovar a presença.

Leia a reportagem completa na Folha desta quinta-feira (25), que já está nas bancas.

BRA$IL UM PAÍ$ CARCOMIDO PELA POLÍTICA(OS) LADROEIRA

http://2.bp.blogspot.com/_98Wry0euQtM/StDluJ-LDtI/AAAAAAAAB6E/GEwfz3DkSeE/s320/jaba.jpg
Brasil do bem, é hora de retomar a campanha do : ELEJA, NÃO REELEJA NINGUÉM.
Definitivamente, agora é a hora de dar uma nova "cara" à política brasileira, chega de ver a mesma casta de políticos que transformaram seus madatos em um grande "negócio", fazendo das coisas públicas um balcão de negociatas., o público se tranasformou em privado
Se realmente há o desejo de ver mudanças, ela começa por nós mesmos, o ponto de partida será consistente, pois teremos a opurtunidade de começar pelas legislaturas estaduais, federais, senado, governos estaduais, e o ápice, o êxtase : Presidência da República.

Se assim não for, continuaremos presenciando :

O governador do Paraná, Roberto Requião (PMDB), acusou o ministro Paulo Bernardo (Planejamento) de tentar superfaturar em cerca R$ 400 milhões um projeto de construção de um ramal ferroviário no interior do Estado.

Segundo Requião, que fez as declarações anteontem em reunião com seu secretariado transmitida pela TV, a obra sairia por R$ 150 milhões, mas Bernardo disse a ele que o custo seria de R$ 550 milhões.

"O que você está me propondo é o seguinte, Paulo Bernardo:
eles recebem R$ 550 milhões [ALL, empresa que detém concessões de ramais no Estado]
e o governo federal abre mão das prestações.
Então, ministro, anote aí:
eu não concordo..
Se isso for feito, eu denuncio imediatamente", disse Requião, que ontem voltou a reiterar em nota oficial as denúncias contra o ministro.


A ALL informou por meio de sua assessoria que não comentaria as declarações do governador.

Bernardo disse que em 2006 conversou com Requião sobre o projeto, mas negou o valor citado pelo governador.

"Fui ao governador, a pedido do presidente Lula, para tentar chegar a um acordo sobre a construção do ramal por meio de uma parceria público-privada", disse o ministro, dizendo que fez essa reunião porque o governo do Paraná, por meio da estatal Ferroeste, também tinha interesse na construção e uso do ramal, de 110 km, que até hoje não saiu do papel.

( Não saiu do papel por falta de acordo, e pelo país afora, os que foram acordados,
quanto do erário foram "embolsados", já imaginaram?)

É uma idéia radical. Vamos acabar com os caras-de-pau que habitam o oceano de carpetes, mamatas e ar-condicionado do Congresso Nacional?

Questionam :

Se não reelegermos ninguém, vamos eleger quem?

Penso que, antes de tudo, é importante dizer que nesse universo deva existir os "bons" mas que ficam "escondidos", por outro lado, os ruins todos nós sabemos, e cabe a cada um no seu município, cidade e estado fazer a seleção do joio do trigo.

Gosta de vender seu voto? Tudo bem! Venda! Mas não entregue a mercadoria, entendeu?

Você não precisa honrar a sua palavra com quem não tem honra e decência, não é mesmo?.

Se você concorda em discutir a idéia, retome a atitude novamente para debate coletivo.

Essa corja anda muito "folgada" , precisam sentir a pressão.